“Não sei usar crase”

Me lembrei de uma ex-aluna que evitava usar crase, porque não sabia usar! Imagina o trabalhão! Eu não saberia como fazer isso…

Gente… crase é bem fácil de usar! O básico é o seguinte: crase NÃO É acento.

Crase  só serve para indicar que ali onde ela está existem dois A. Duas letras A, ok?

Daí você já deduz que não vai dar para usar crase antes de palavra masculina, percebe?

Veja só como funciona:

“Pedimos ajuda à salva-vidas o mais rápido possível”

Eu usei crase ali porque nós pedimos ajuda A alguém, entende? Então já existe um A ali. E esse alguém era A salva-vidas! Então dois A se encontraram!

É  como dizer

“Pedimos ajuda a + salva-vidas o mais rápido possível”

Sim, tem alguns casos com algumas particularidades, mas são poucos, crase é isso aí que você acabou de ver. E se você é bom de gramática, veja que o primeiro A da crase é uma preposição, vem pendurada em alguma expressão anterior, e o segundo A é um artigo feminino.

Mas você não precisa aprender gramática para escrever bem

O áudio-sucesso que desbloqueia quem demora para começar a redação

“Como não usar clichês?”

Tenho aqui uma aluna concurseira com data de prova marcada, que tem uma escrita excelente, não tem qualquer problema para entender os textos fornecidos, mas… demora horas e horas e horas para escrever qualquer frase!

No geral ela tem vários bloqueios originados por tantas mentiras e medos que puseram na cabeça dela sobre redação. Mas eu vou destacar um que eu descobri hoje! Vejam o que ela me escreveu:

“[demorei muito] por não saber como me referir ao momento que vivemos. A situação atual? O mundo moderno? Todas essas expressões são muito clichês, mas se me mandar falar no impulso elas vêm à mente inevitavelmente. Aliás, são clichês pq já foram muito usadas e o que me vem à mente é justamente o que mais ouço ou leio por ai. Até pensar numa forma de não usá-las demora muito. O que fazer?”

Ela está num mato sem cachorro… naosei

Bem, clichê  não significa “palavra muito usada”! Significa palavra muito usada para aumentar a frase, dar a sensação de conteúdo quando não há nada muito interessante ali.

Portanto qualquer palavra pode virar um clichê. Se as palavras muito usadas não podem mais ser usadas, então… o que vai sobrar para você?! Em 50 anos nem poderemos mais escrever nada, concorda!?

As palavras existem para serem usadas! TODAS! E é fácil notar como os professores que inventam essa paranoia do clichê são contraditórios! Veja aqui como eles dizem coisas opostas!

Acabo de ver aqui na internet que “tempo” é um dos substantivos mais usados na nossa língua! E agora? Você não pode mais escrever “tempo”?! 😮

Não existem palavras que não podem ser usadas. Pode usar “no mundo moderno” se isso é  importante no seu texto! Pode usar “atualmente” ou “hoje em dia” também, se achar que deve! Qualquer corretor percebe quando a palavra é desnecessária ali! De tanto treinar você vai pegar o “feeling” disso.

Vamos encarar seus medos de escrever?

Lembra-se de quando vestibular era só para  adolescentes?