Pode rasurar a redação?

Os alunos todos têm, naturalmente, receio quanto a se rasuras tiram pontos, e eu já os tranquilizei quanto a isso. Claro que rasuras em excesso podem atrapalhar a clareza do texto, e aí sim é um problema.
Mas para tranquilizar você também, veja o que a própria diretora da Fuvest, professora Maria Thereza Fraga Rocco – que organiza também o trabalho dos corretores da redação – diz sobre isso:
“Não levamos em conta na nota, desde que o estudante tenha organização. A orientação é que ele faça um risco na palavra errada e escreva ao lado o termo correto”.
Ela também garantiu que letra feia também não desconta ponto.
Mais tranquilo(a) agora? 😉
Anúncios

Como sofrer escrevendo redação

Foi um começo de segundo semestre bem ocupado, mas… já voltei. Assunto sempre tem…

Tenho um aluno que vai prestar vestibular e  aprendeu a escrever redações parágrafo por parágrafo. Aquela coisa sofrida, vocês sabem… Eu venho mostrando para ele como dá para escrever mais rápido deixando para trás esse método, mas eu reconheço que ele está resistente a isso.

Na última aula eu resolvi apenas assistir a ele escrever uma redação que seria para o cursinho. Fiz as contas: ele levou 40 minutos para fazer a introdução e 2 parágrafos de desenvolvimento. Era realmente um trabalho de presidiário… ele sofria muito e parava a cada início de frase, tentando escolher uma palavra especial para começá-la, enquanto olhava para a janela. E escolhia praticamente as mesmas palavras – ele não tem muita bagagem lexical.

Enquanto ele fazia isso, por várias vezes ele não lembrava mais o que queria dizer… Porque o cérebro não consegue se focar em duas coisas ao mesmo tempo: se ele queria que o cérebro lembrasse de alguma palavra especial, ele não conseguiria fazer o cérebro lembrar a ideia, não tinha jeito.

Além disso, a linguagem que ele usava na redação não tinha nada a ver com a linguagem dele – ele jamais falaria daquele jeito com um corretor. E fingir que é o que não é complica muito a vida do aluno nessa hora…

Pois bem, ele continuou assim, mas ele notou que não foi um caminho fácil e que não  vai dar certo no dia da prova.

Na próxima aula vamos retomar os exercícios de desbloqueio com ele.

 

Quer dar uma polida na redação ou quer começar do zero?