Minha colega gaúcha!

Fico mesmo feliz de ver que mais uma professora já estava desconfiada de que o ensino de redação no Brasil ia pelo caminho errado!
Esta mensagem é de uma professora do RS, chegou esta semana aqui:
Li várias das postagens do teu blog no wordpress e do teu site no webnode e gostei muito do modo como você vê o universo das redações, com muito mais liberdade e lógica que a maioria dos professores que já conheci. Me sinto um pouco constrangida por ser exatamente o modelo que certa vez você criticou (com toda a razão!): uma professora que dá aula de redação em um cursinho pré-vestibular e nunca teve formação pra isso. Sou estudante universitária e professora no Educamed, cursinho popular criado e administrado por alunos da UFRGS e da UFCSPA que está no seu primeiro ano. 
Na época em que fiz cursinho eu odiava as aulas de redação, achava maçantes e retrógradas, mesmo sendo a minha matéria favorita. Foi na procura de algo que fizesse mais sentido lógico que encontrei teus textos, e me senti totalmente contemplada como aluna, de um jeito impossível de descrever.
Agora estamos em contato trocando ideias sobre redação e acabando com esse drama – escrever é muito fácil!
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s