Esta redação do Enem mereceu nota 1000?

Tenho analisado as redações divulgadas pelo Enem, com nota 1000. Quase sempre há falhas nelas, o que mostra que nota 1000 no Enem não significa sempre perfeição – e isso alivia muitos candidatos. A intenção não é desmerecer o candidato cuja redação ganhou nota 1000, mas diminuir a ansiedade dos alunos, que estão acreditando que existe uma redação nota 1000.

 

Esta redação abaixo é de uma candidata de 28 anos. Tirou 1000 no Enem.

Veja lá: ela tem uma falha de pontuação em rosa, falha de coesão em azul, trecho um tanto obscuro/mal escrito em verde, sublinhado, um trecho com falha   de regência, e em laranja um trecho com falha de colocação pronominal.

 

“A grande preocupação hoje, nas políticas públicas, é propiciar um melhor atendimento integral à criança, principalmente no que se refere ao desenvolvimento moral, social, político e cultural enquanto sujeito ativo e participante dos plenos direitos e deveres na sociedade, conforme as normas declaradas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Sabe-se que a educação, tanto nas escolas quanto no lar, é a melhor opção para se chegar a um objetivo promissor, além de promover o desenvolvimento integral da criança, porém tal fato tem sofrido mudanças ultimamente decorrentes do avanço tecnológico e de inovações ideológicas quanto à forma de aprimorar e preparar a criança, desde o nascimento, para receber as informações que há no mundo exterior. Diante disso, as escolas e os pais devem preocupar-se em desenvolver na criança, o seu lado consumidor, através de situações do dia a dia, auxiliando-a e orientando-a a se tornar um bom consumidor, sendo necessário e importante para se obter uma aprendizagem significativa da sua realidade.

Em relação à publicidade infantil, percebe-se que a tendência das empresas e fabricantes de produtos infantis é aumentar seus negócios e divulgar seus produtos infantis tendo como alvo, o universo infantil, o que isso, sobretudo, recai nas responsabilidades dos adultos que acabam cedendo-a a adquirir, de forma compulsiva, o produto anunciado.

No Brasil, a publicidade infantil é comum, principalmente em datas comemorativas tais como Dia das Crianças e Natal, porém defende e apoia a legislação que controla e evita abusos do setor que realiza tal publicidade.

No entanto, espera-se que a publicidade infantil assuma um caráter educativo, apesar de ser persuasivo, não afetando os direitos e os deveres da criança, dentro das normas contidas na legislação do país. As escolas e, sobretudo os pais, devem orientar as crianças a tornarem-se bons consumidores, realizando a escolha certa do produto, conscientes de suas atitudes na sociedade em adquirir tal produto a fim de não tornarem-se consumidoras compulsivas.”

 

Se você não entendeu o que pode estar mal escrito no trecho em verde, na conclusão, pense… as crianças que se tornarão bons consumidores ficarão conscientes quando adquirirem um produto para não ficarem compulsivas?! Estranho…

E se você não captou o que há de falho na coesão do trecho em verde, no parágrafo III, veja só: a publicidade infantil apoia a lei que controla os abusos na publicidade infantil? A publicidade infantil não é um órgão, ela não apoia nada…

 

Só para completar, a proposta de intervenção não é muito concreta, nem detalhada (há outras bem mais!). Eu perguntaria à candidata como os pais podem orientar os filhos a serem bons consumidores? Os filhos têm influência por todos os lados – de colegas, da tv etc. Muito vago…

E o que você acha? Valeu 1000? Qual sua conclusão sobre  a correção do Enem?

 

Qual é a fórmula pra redação? Será essa que você aprendeu?

Que sorte ter um professor de redação que já foi correto de vestibular, né?!

Anúncios

6 respostas em “Esta redação do Enem mereceu nota 1000?

  1. olá, gosto do seu jeito de corrigir, vejo suas correções no grupo do Enem no facebook e elas mostram coisas que a gente não percebe… 😀

    Curtido por 1 pessoa

  2. professora moro no interior de MG e queria fazer algumas aulas com você. Ainda tem vaga pra julho? Tenho condições de ficar aí um mês com meus parentes. Redação p mim é um bicho de sete cabeças. Já tentei alguns professores pela internet mas eu não consigo melhorar, tenho bloqueio. Será que um mês dá pra melhorar? Estou prestando medicina.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s