Dá certo copiar redações boas para treinar?

Tenho uma nova aluna vestibulanda, treinando apenas para o Enem. Ela me trouxe um novo jeito de aprender a fazer redação! Disseram-lhe que, se ela copiar redações nota 1000 por vários dias seguidos, ela vai passar a escrever as suas redações mais fácil.

Olha… depende um pouco… É verdade que no passado (lá pelos anos 70) usava-se pedir aos alunos que copiassem textos inteiros. Na  minha forma de ver, isso ajudava enormemente a fixar a forma correta de escrever as palavras (ortografia), e até aumentava o vocabulário. Hoje meus alunos desconhecem palavras que estão por aí, são comuns – isso indica total hábito de leitura atenta, e a cópia exige atenção. Então copiar tem essa vantagem.

Por outro lado (sempre tem o outro lado), se isso for feito a alguns meses da prova (e estamos a 6 meses) não creio que tenha efeito. Quer dizer, não terá efeito na habilidade de fazer redações boas para provas, redações claras, coesas, com ideias lógicas… O efeito será na ortografia. Essas outras habilidades dependem de outras atividades, de outro treino.

E eu temo que, se entrar nessa assim, em cima da hora, ela vai deixar de lado o tal treino que é super importante! Inegável que as boas redações dos vestibulares em geral são de gente que treinou.

O que ela pode fazer é ler textos quaisquer e tentar explicar em voz alta (como eu peço para meus alunos fazerem) o que entendeu. Isso se chama paráfrase e eu tenho notado que ajuda demais em vários aspectos! Inclusive na interpretação!

***

PROMOÇÕES bombando

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s