“Eu não faço rascunho… precisa?”

Estive na exposição sobre o pós-impressionismo no CCBB em São Paulo, e observei algumas coisas legais que têm a ver com a redação! 😀

Pude ver alguns estudos desta pintura que talvez você já conheça, chamada Banhistas em Asnière, de Seurat. Foi trazida de Londres.

banhistas-em-asnieres-georges-seurat

Estou dizendo que essa pintura não foi feita de bate-pronto! Antes dela vieram algumas versões, alguns rascunhos – como os seus, para suas redações! Os pintores as chamam de estudos. Se você puder  ver os estudos, vai notar que têm detalhes que o pintor resolveu eliminar no final, e que ele ensaiou vários efeitos finais, para que tudo saísse como ele queria.

As pinturas mais conhecidas certamente passaram por esse processo, não saíram prontinhas logo na primeira tentativa!

E você já deve saber que os cronistas – incluindo aqueles cujas crônicas você vê nas revistas e jornais – também tiveram alguns rascunhos amassado, rabiscados e rasgados até surgir aquele texto final.

É uma infelicidade que nas escolas você e seus colegas tenham “aprendido” que sua redação tinha que sair prontinha em 50 minutos… 😦 . Pior que sua redação saía em 50 minutos… isso levou você a achar que o rascunho é o texto final – depois do rascunho é só passar a limpo! Não! Seu rascunho não é o texto final! Ele serve para ser rabiscado, para você pensar olhando pra ele, pra você incluir e tirar partes… Tem uma lógica nisso! E o corretor (o professor) sabe perfeitamente quem trabalhou o rascunho e quem fez o texto de bate-pronto! Dá  pra perceber facilmente!

Bem, lógico que você não terá dias ou meses para terminar sua redação, mas nenhum concorrente seu terá, até aí tudo bem! O importante é você começar a olhar para seu rascunho desse jeito: ele não é sua redação final.

Me angustia um pouco ver aqueles alunos que chegam aqui mostrando um rascunho i-dên-ti-co ao texto final! Eu oriento meus alunos a passar uns 50 minutos mexendo no rascunho no dia da prova! Vale muito a pena!

 

Aproveite minhas promoções você também!

Às vezes da pra usar gíria na redação…

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s